• Empresa Júnior

A importância do plano de negócios na estruturação de uma empresa

Por que fazer um plano de negócios?


O plano de negócios é uma ferramenta usada no processo de estruturação inicial de um empreendimento. A partir dele, é feito um estudo do mercado analisando diversos aspectos do ramo em que a empresa está inserida, tais como: concorrentes, público-alvo e fornecedores, além de um estudo de projeções financeiras. Através dele, também busca-se entender quais são os pontos fortes e fracos intrínsecos ao negócio que podem influenciar seu desempenho. Dessa forma, é possível mapear dados que indicam os rumos a serem tomados para um bom desenvolvimento da empresa, além de estabelecer objetivos e metas que ajudarão a guiar futuras tomadas de decisão.


Esta é uma pesquisa que envolve conhecimentos de marketing e finanças, visando entender a viabilidade do negócio e definir o posicionamento, a identidade da marca e estratégias de comunicação. Ou seja, o principal objetivo do serviço é a estruturação e planejamento de um empreendimento, tendo sempre em vista seu crescimento e lucratividade.


É importante destacar que o plano de negócios é uma ferramenta imprescindível para quem quer abrir um negócio, pois permite entender melhor o mercado e eliminar possíveis dúvidas e incertezas. Porém, isso não exclui empresas que querem repensar suas estratégias ou reformular suas bases para melhorar suas vendas e continuar crescendo. Logo, independente do nível de desenvolvimento, esse é um instrumento útil para auxiliar na organização de ideias e no planejamento estratégico de um negócio, objetivando sua solidez e expansão.


Ferramentas do plano de negócios


A fim de auxiliar a eficácia do desenvolvimento de um plano de negócios, algumas ferramentas são comumente usadas por profissionais. Algumas destas são metodologias típicas do Marketing, tais como a análise SWOT; a pesquisa e análise de mercado; outras metodologias são ferramentas mais conhecidas no mundo do empreendedorismo, como o MAT, o plano de negócios em pirâmide e o Business Model Canvas (BMG).


Canvas


O Business Model Canvas, também chamado de Canvas, tem como principal função ajudar empreendedores a definirem seus negócios de uma forma visual e simples. Esta ferramenta é interessante para que haja uma discussão a partir de uma visão integrada do empreendimento, ou seja, há um entendimento das intersecções entre os diferentes âmbitos do negócio e como estes compõem a empresa.


Como dito anteriormente, o Canvas é uma ferramenta visual, e isso se dá pelo fato de que este é estruturado no formato de um mapa que contém nove blocos. Estes são: segmento de clientes; proposta de valor; canais; relacionamento com clientes; fontes de receita; recursos-chave; atividades-chave; parcerias principais; e estrutura de custos. Se usado de uma forma qualitativa, o Business Model Canvas pode ser um grande diferencial para o plano de negócios de uma empresa.


Nosso serviço


Na Empresa Júnior PUC-Rio, o plano de negócios é um serviço interdisciplinar, ou seja, conta com a colaboração de consultores de Marketing, Finanças e Design. A partir deste trabalho em conjunto, é possível fazer toda a estruturação necessária antes da abertura ou expansão de um empreendimento. Além disso, todo o projeto visa orientar o empreendedor com o planejamento, tomadas de decisão e captação de investimentos.


Mais informações sobre esse e mais serviços da nossa frente de Gestão podem ser encontrados aqui.


  • Gabriela Tapajós e Miguel Dantas

Rua Marquês de São Vicente, 225
Gávea Rio de Janeiro – RJ

21 3527 1782

images.png
logo-instagram-png-fundo-transparente4.p
facebook-logo-with-rounded-corners_318-9

Site desenvolvido por Empresa Júnior PUC-Rio