• Empresa Júnior

A utilização das Mídias Sociais para empreendimentos

O uso corporativo das mídias sociais se encaixa como parte da estratégia de marketing digital. Este consiste na utilização dos meios e tecnologias para alcançar o objetivo principal do marketing: estabelecer e administrar os relacionamentos da marca. Mídia social pode ser definida como todo o ambiente online no qual é possível o compartilhamento de informação. Portanto, toda rede social é também uma mídia social.


No contexto tecnológico atual, é quase impossível ignorar a importância de se relacionar com o público por meio das mídias online. De acordo com a pesquisa Digital 2019: Brazil, 140 milhões de pessoas usam ativamente as redes sociais em todo o território nacional. O estudo também aponta que, em Janeiro de 2019, aproximadamente 89% dos internautas buscaram na internet um serviço ou produto para comprar. 


Vantagens do investimento em mídias sociais

A utilização do espaço online permite uma série de benefícios como: a visualização das métricas, ou seja, ter acesso aos dados e entender melhor sobre o público que se está atingindo; a busca por informação, trazendo mais visibilidade à marca ao produzir conteúdo relevante para o seu público; a aproximação com o cliente ao estimular o engajamento e a fidelidade, que reflete no aumento da taxa de conversão.


Segundo o Social Media Trends 2019, um estudo sobre as principais tendências e práticas adotadas pelas empresas presentes nas redes sociais, 53% das entrevistadas apontaram como maior vantagem a divulgação da marca, e 44,2% indicaram o engajamento com a audiência. Estes dados corroboram com os benefícios citados anteriormente.


aderência às mídias sociais apresenta muitos pontos positivos, principalmente aos microempreendedores. As pequenas empresas podem aproveitá-las para fazerem novos negócios, promoverem seus produtos ou serviços e, consequentemente, aumentarem os resultados. Quanto menor for a distância entre a empresa e o consumidor, mais chances o empreendimento terá de ampliar as perspectivas de crescimento. Ter informações sobre o comportamento do público-alvo é de grande proveito para qualquer negócio diante da concorrência.


A singularidade de cada meio

É importante ressaltar que cada mídia tem a sua particularidade e linguagem própria. Assim como nem todos os públicos usam todas as redes sociais da mesma maneira, o público-alvo deve estar bem definido, a fim de que a estratégia de comunicação seja efetiva. E com tantas particularidades, é preciso ter foco e definir quais são as relevantes para o negócio.  Para isso, é necessário ter conhecimento de como se comunicar em cada uma delas. 


O Facebook, por exemplo, é uma excelente ferramenta para estabelecer uma imagem do negócio e apresentar o seu trabalho. Existe a opção de criar uma página de perfil profissional, que permite usufruir de vários dados em relação aos anúncios e publicidades. Diferentemente do Instagram, onde a comunicação se dá, principalmente, por imagens e vídeos. É uma rede interessante para produtos ou serviços que tenham um apelo visual, mas é importante que as imagens sejam bem trabalhadas e que se comuniquem com a essência da marca


O LinkedIn, por sua vez, possui um caráter mais profissional, e é considerado a maior rede social do mundo voltada para o mercado de trabalho. Por conta disso, eles possuem um enorme banco de dados com informações das tendências globais de emprego. De acordo com o estudo publicado esse ano pela McKinsey & Company, o Brazil Digital Report, só no Brasil são mais de 29 milhões de usuários, o que nos coloca como a terceira maior base de utilizadores cadastrados na plataforma, atrás apenas dos Estados Unidos e da Índia.


A Netflix é um exemplo perfeito de sucesso no que tange gerenciamento das mídias. Mesmo que alguém não assine o serviço de streaming, com certeza já se deparou com alguma postagem ou resposta do perfil da Netflix Brasil. Tanto no Twitter, quanto no Facebook, a empresa possui uma presença forte nas redes, conseguindo interagir de forma bem pessoal com os usuários, até mesmo contornando comentários negativos de forma leve e humorística. Desse jeito, a Netflix consegue ampliar o valor percebido pelos seus clientes. 


A importância das empresas no ambiente digital

Pode ser observado que o uso corporativo das mídias sociais se converteu em uma grande ferramenta para estimular interações com clientes ou usuários, estreitando as relações. A partir disso, a marca consegue atingir uma maior qualidade no quesito de atendimento ao cliente. E não é apenas estar presente no ambiente digital, mas também manter o ritmo e o conteúdo. Uma rede social corporativa abandonada ou sem produção constante de conteúdo de qualidade não atenderá nenhuma necessidade do mercado, consequentemente não apresentará valor ao cliente.


As mídias sociais têm um alcance enorme da população e são ambientes propícios à disseminação de informação. É nesse ponto específico que a marca deve agir e entregar ao seu público conteúdo pertinente. O espaço online é excelente para ampliar as suas possibilidades de conversão e atingir de forma qualitativa o seu público. As diversas vantagens do uso só reforçam a necessidade de se estar presente no ambiente digital para fomentar o empreendimento, principalmente de quem está começando.




– Ana Paula Alonso

Rua Marquês de São Vicente, 225
Gávea Rio de Janeiro – RJ

21 3527 1782

images.png
logo-instagram-png-fundo-transparente4.p
facebook-logo-with-rounded-corners_318-9

Site desenvolvido por Empresa Júnior PUC-Rio